A Intenção - Pelo Espírito do Mestre Indiano Shàa - Psicografia de Annapon -

São muitas as religiões na Terra, muitas são as formas de buscar Deus.
Nesse cativeiro chamado encarnação, cada alma busca, ou não, algo que a fortaleça, que lhe estenda a mão nas horas difíceis da vida, busca Deus, essa força, essa potencia e mistério que a tudo e a todos criou.

Cada religião está preparada para receber em sua egregora, uma determinada categoria de espíritos, esta seleção se faz pelo grau evolutivo de cada ser e por sua necessidade na atual oportunidade, portanto, todas as religiões estão sob o amparo e as bençãos do Criador.

Existem os que creem em Jesus e os que não, os que buscam na magia a fonte de sua conexão espiritual, existem ainda, os que seguem o velho e Sagrado testamento e aqueles, cuja fé raciocinada, se inspiram numa doutrina.
Povos de todas as etnias inspiram-se, de alguma forma, sempre num poder maior que a tudo criou, que tudo pode e que tudo é não importando a forma ou nome que se dê, Ele é um só.



A partir do momento que a fé se torna fascínio e que não mais se respeite a fé do outro, algo se rompeu nessa fé ou religião porque não existe religião melhor, maior ou mais forte, o que existe sim é a religião capaz de tornar melhor o ser humano em evolução neste pequenino planeta chamado Terra.

Se existem muitas formas e cultos que visam o encontro com Deus é porque assim Ele permitiu e determinou, assim se percorre o caminho, de forma confortável e conhecida relativamente porque são muitas encarnações, muitas passagens por diversas religiões que ficam na memória eterna do ser.

Muitas religiões extintas encontram ressonância nas tantas existentes hoje e assim, por afinidade, se aproxima o ser daquela que lhe toca mais o coração e as fibras da pele que normalmente sinalizam sua proximidade causando o famoso "arrepio". Este é um sinal de que a pessoa encontrou algo conhecido, algo que lhe faz bem e o emociona, é dessa forma que se encontra a melhor religião e é dessa forma que de deve compreender a escolha do outro.

A intenção de Deus ao permitir tantas formas de busca-lo qual seria?

Muitas respostas cabem nessa pergunta, responda segundo lhe dite o coração, com verdade, honestidade, só assim se encontra equilíbrio.
De minha parte respondo segundo minha experiencia: Sua intenção é que o busquem, não importa como, mas que O busquem, mesmo que seja dentro de seus corações.

E buscar a Deus o que seria? Seria uma forma de se manter isento da dor, do mal, da tristeza, da fome, seria o que, afinal?

Cada um tem dentro de si mesmo uma resposta para essa pergunta e cada resposta determina em qual estágio evolutivo se encontra o ser, determinando assim, por sua vez, em qual das tantas religiões pode encontrar serenidade, amor e paz para viver.
Há uma má intenção oposta à essa busca, porém. Há um desvio da Verdade Suprema, um entorpecente coletivo que causa cegueira chamado poder que arrebanha incautos e deslumbrados com facilidade sob o rotulo de religião que prega facilidades onde não existem, prega verdade absoluta onde muito longe de ser se encontra porque tudo se modifica a todo instante no globo.

A violência é o resultado dessa má intenção, dessa hipnose coletiva que só o tempo pode curar e o tempo vem a galope.

Uma grande seleção está sendo feita, neste momento, no globo terrestre, há uma urgência para que os ares da Terra se renovem, por conta disto, grande comoção invade os de bom coração e intenção, mas, alertamos: esta é uma necessidade, as vezes, só pela dor e pela tragedia são atingidos alguns corações e mentes, de outra forma, seguem em seus maus passos alimentando pensamentos ruins, nocivos aos demais, portanto, nem tudo o que parece é e por sua vez também o contrário é valido.

Tudo é intenção e resultado.

Se a intenção é boa, colhem-se bons resultados, por isso, olhos e ouvidos abertos a tudo que soe contra, desfavorável, que incite ódio, que separe ou queira sobrepor-se eis ai a trilha do caminho contrário.

Religião é um ato, fé é um fato.

Que não se iluda o homem ao tentar esconder suas intenções, pois há olhos e ouvidos bem abertos que o cercam e mais cedo ou mais tarde revelam aquilo que nenhuma aura ou vibração consegue esconder.

A intenção protege ou expõe. Seja honesto, pois jamais a poderá esconder.

Com votos de muita paz,

Shàa - Annapon
20/10/2017

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Firmeza e Assentamento (Umbanda)

Orixá de Frente – Orixá Adjunto – Orixá Ancestral – A natureza humana -

Características dos filhos dos orixás, personalidade dos filhos de Oxalá, Yemanjá, Oxum, Ogum, Oxossi, Yansã, Xangô