O que Exu diria sobre o momento politico no Brasil


Permalien de l'image intégrée

O que Exu diria sobre o momento politico no Brasil

Nem me atrevo a perguntar à Exu sobre o momento politico no Brasil.



Talvez por, de alguma forma, saber a resposta, ou então, é receio mesmo sobre o que ele vai responder.



De qualquer forma, conhecendo um pouquinho seu espirito integro, justo e verdadeiro, arrisco alguns palpites:



- O povo brasileiro não amadureceu consciência politica; quando deve mudar, repete, quando deve repetir, "inova" e acaba "metendo os pés pelas mãos".



- A corrupção nasce ou morre todo dia, depende da atitude, da educação. Considerando que nenhum governo zelou realmente pela educação do povo brasileiro, é compreensível que o povo tenha se tornado corrupto nos menores detalhes do dia a dia.



- A corrupção do outro merece punição urgente e sob o rigor da lei, porém aquela, praticada "na surdina" aquela sua pequenina corrupção não conta, não é mesmo? Afinal é perdoável deslizar vez ou outra por "uma boa causa". Hipocrisia.



- A insatisfação gera, em alguns casos, desespero e desespero mata. Veja o afogado, não se debatesse tanto, teria boa chance de sobreviver. 



- Carma coletivo é coisa séria, individual também. A pessoa reencarna, traz enorme bagagem para resgatar, muitas vezes não consegue saldar nem metade da divida e, pior, se endivida mais comprando briga por politica, muitas vezes sem a minima noção do que discute, apenas e tão somente pelo simples e infantil fato de ter escolhido um time como se a nação não fosse abrigo de todos. Insanidade.




- A questão não é o momento politico e sim como o povo tem se posicionado diante deste momento, diante das ameaças que batem à porta.



- Estão à solta formas pensamento horrendas prontas para formarem uma egrégora tal que serão necessários exércitos de espíritos de Luz para desfaze-la, tamanha sua força e teor nocivo.



- Nenhum governo roubou mais ou menos que o outro. Todos agiram mal e ai está o resultado: um povo entre a cruz e a espada literalmente. Haveria alguma alternativa? Sim, sempre há; penso eu. Talvez o dialogo? O que preserve mais o direito humano, quem sabe?



- Se apurar bem a visão verá que há sim uma luz no final desse túnel turbilhão.



- É a essência de cada um vindo à luz do dia. Essa é a hora de separar o joio do trigo.



- O crime está em quase todas as instituições; a ganancia e o poder são gargantas sem fundo.



- Escolher o destino de uma nação sob um ponto de vista interesseiro é mais um carma na conta e o egoismo, mais cedo ou mais tarde, manda a fatura.



Enfim...acredito que Exu diria tudo isto e muito mais.



Esse é apenas um pequeno resumo de sua provável resposta lembrando sempre que cada um de nós é responsável por si mesmo e pelo todo.



Não existe um país bom só para mim ou só para você. Se não for bom para todos nunca será bom, nunca amadurecerá.



Gosto do progresso, como diz nossa bandeira, gosto de posicionamentos com vistas ao bem de todos principalmente ao bem das crianças brasileiras.



Precisamos sim questionar, acompanhar de perto, ter os olhos sempre abertos e nos reeducarmos individualmente para que a corrupção não faça morada nem em nosso coração nem em nossa vida como cidadãos.



São tantas pequenas corrupções compondo a orquestra de nosso carma coletivo que se quisesse elenca-las escreveria extenso livro, enfim...Atenção!



É hora de decidir pelo bem comum, pela harmonia, decência, pela paz e pelo verdadeiro progresso que já rompeu a algum tempo com o passado nada ilustre.



Anna Pon

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Firmeza e Assentamento (Umbanda)

Orixá de Frente – Orixá Adjunto – Orixá Ancestral – A natureza humana -

Características dos filhos dos orixás, personalidade dos filhos de Oxalá, Yemanjá, Oxum, Ogum, Oxossi, Yansã, Xangô