Flores para os Orixás


 


 
 Flores para os Orixás 
por Mônica Berezutchi 
 
Os Pais e Mães Orixás são administradores dessas essências vivas e Divinas do Criador que existem nas flores. E quando dizemos “essa flor é deste Orixá”, é por que ela está “cheia” deste magnetismo que beneficia não só as pessoas, mas os ambientes também. 

Vejamos algumas flores associadas às essências dos Pais e Mães Orixás:
 
OXALÁ: rosa branca, lírio branco, margarida branca, copo de leite, girassol, jasmim, lágrima de Cristo, lírio da paz. 

OYÁ: rosa amarela, rosa champanhe, crisântemo amarelo, liziantro; 

OXUM: rosa cor-de-rosa, flores do campo, flor da fortuna, lírio amarelo e rosa, rosa amarela, calêndula, camomila. 

OXUMARÉ: flores do campo coloridas, flor de laranjeira, hortênsia. 

OXÓSSI: flores do campo coloridas, crisântemos coloridos, flores silvestres. 

OBÁ: gérbera magenta, azaleia cores vivas. 

XANGÔ: palma vermelha, bico de papagaio, cravo vermelho, margaridas vermelhas, gérbera vermelha. 

EGUNITÁ: rosa laranja, gérbera laranja, begônia, tulipa. 

OGUM: Antúrio vermelho, cravo vermelho. 

IANSÃ: palma amarela, rosa amarela, tango amarelo, boca de leão amarela, gérbera amarela, girassol, crisântemo amarelo. 

OBALUAYÊ: crisântemo branco, margarida branca. 

NANÃ: palma lilás, crisântemo lilás, violeta, azaleia lilás. 

IEMANJÁ: palma branca, rosa branca, azaleia, hortênsia. 

OMULU: crisântemo branco, cravo branco, crisântemo roxo. 
 
As flores depositadas no Congá são parte integrante dos elementos que compõem as firmezas, e elas têm a função não só de “enfeitar” o Congá, mas também de irradiar essas essências bem como absorver energias negativas. 

Cada espécie tem seu magnetismo individual, que são fontes vivas, com poderes que restabelecem e desbloqueiam nossos chacras. Por isso também as flores, associadas às ervas ou não, fazem parte dos banhos ritualísticos que nós umbandistas praticamos. 

Não tem fundamento algum colocar flores de plástico, papel ou de tecido no terreiro; e flores já colhidas colocadas em vasos já não possuem 100% de energia vital, então o ideal seria elas estarem vivas, ou seja, plantadas em vasos. 

As flores são utilizadas também nos amacis e lavagem de coroa, e as pétalas secas aplicadas no ritual da defumação. Além disso, seria muito bom meu irmão você ter em sua casa e no seu Congá pelo menos uma flor. E ao invés de você levar flores “mortas” aos pontos de força, leve-as em vasos e plante-as ao redor do ponto de forças, este procedimento sim é a nossa conscientização de que cultuamos a Natureza, não sujamos, estragamos ou poluímos fontes naturais, que o Criador generosamente nos deixou para preservarmos; pois cultuar também quer dizer cuidar. 

Que a essência das flores esteja com você irmão.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Características dos filhos dos orixás, personalidade dos filhos de Oxalá, Yemanjá, Oxum, Ogum, Oxossi, Yansã, Xangô

Orixá de Frente – Orixá Adjunto – Orixá Ancestral – A natureza humana -

Firmeza e Assentamento (Umbanda)