As Ervas e sua Utilização em banhos e defumações

 



 
 As Ervas e sua Utilização em banhos e defumações 
 
Defumar é queimar ervas secas e resinas no carvão em brasa. Existem outras formas de defumar, cada pessoa desenvolve a maneira que seja mais adequada à sua realidade. O importante é se servir desse recurso com fé e gratidão pela generosidade da natureza.

Prática antiga presente em várias religiões e rituais das mais diversas culturas, tem por objetivo a limpeza astral e energética dos ambientes e pessoas.

A defumação quebra a negatividade e cada erva tem uma função especifica.

Para defumar a casa usando carvão em brasa é necessário um turíbulo, peça especialmente desenvolvida para essa finalidade, porém, para tanto, é preciso cautela e alguma experiência porque pode ser perigoso o manuseio.

Sempre há uma forma mais confortável e segura para defumar a casa e as pessoas, é uma questão de explorar opções sempre com muito cuidado para evitar queimaduras ou incêndios. 

Oportuno lembrar que enquanto prepara a defumação, seu pensamento deve estar elevado e grato pelas ervas que servirão aos propósitos de limpeza e purificação que se está manuseando.

A fumaça deve envolver o ambiente e as pessoas.

Resinas 
 
A Mirra, o incenso e o beijoim são resinas aromáticas (seiva natural) muito utilizadas em várias religiões.

Agem em nossos campos áuricos, mediúnicos, astrais, tornando-os mais sutis, além de purificados de energias densas.

Podem ser utilizadas em conjunto com as ervas secas.
 

Banhos de limpeza astral 
 
Os banhos com ervas frescas, ou secas, também promovem, assim como a defumação, limpeza astral e energética, além de nos deixarem com a sensação boa de equilíbrio e tranquilidade.

Sempre bom ter cautela com ervas que podem causar alergias. Consulte, para tanto, alguém com experiência e conhecimento.
 
Ervas frescas ou secas para o banho, são preparadas como um chá forte.
Apague o fogo assim que começar a ferver e deixe esfriar ou misture água limpa ou do chuveiro para completar, mais ou menos dois litros de água mais o elemento vegetal extraído das ervas no processo de fervura a abafamento que é deixar por três minutos, o chá forte tampado.

Após o banho normal de higiene, despejamos aos poucos o banho de ervas, do pescoço para baixo, algumas pessoas derramam o líquido desde a cabeça, fica a critério e crença de cada um, mas voltando a lembrar sobre os cuidados com alergias no processo do banho com ervas.

Adquira as ervas em local de confiança ou cultive as suas próprias.

Antes de derramar o banho no corpo, agradeça ao Criador e às forças que sustentam as plantas. Faça uma breve oração de sua preferencia, mas sempre emita pensamentos de gratidão. Eles elevam nossa vibração e o banho é melhor aproveitado.

Depois, deixe que a essência vegetal seja absorvida por um minuto em seu corpo, feche brevemente os olhos e sinta a energia que o envolve. Enxugue-se normalmente. Agradeça sempre.

Banhos na Natureza 
 
Os banhos feitos na natureza, de cachoeira ou mar, também são excelentes para descarregar energias negativas ou de natureza enfermiça localizadas nos órgãos do corpo astral e físico.

Há na natureza energias e magnetismos que limpam, purificam e tornam mais sutis nossos corpos energéticos, a sensação é de leveza após esses banhos que expandem nossa aura. 

A energia salina do mar, além de todas as outras propriedades encontradas nessas águas, dissolvem as larvas e miasmas astrais, promovem profunda limpeza. É bom para a saúde integral; corpo, mente, espírito.  

 As ervas 
 
A seguir lista de ervas com suas características e qualidades a serem trabalhadas ritualisticamente nos banhos e defumações. 

Arruda (Ruta graveoleos) 
Ótimo protetor astral, desagrega as larvas astrais e energias enfermiças. Quebra as formações energéticas negativas, resultantes das egrégoras de pensamentos negativos e atuações do baixo astral. 

Alecrim (Rosmarinus officinalis)  
Desagrega energias enfermiças, limpa e purifica o ambiente criando uma “esfera” de proteção, boa contra obsessão, afasta a tristeza. 

Alfazema (Lavandula augustifolia ou Vera)  
Ajuda a equilibrar nossas energias, limpa e purifica o ambiente trazendo a paz e harmonia.  

Anis-estrelado (Illicium verum) 
Atua melhorando nosso humor, desperta a intuição, torna o ambiente agradável e desagrega energias negativas. 

Absinto – Losna (Artemisia absinthium)  
Em banhos, desagrega fluidos negativos. Na defumação, afasta influência negativa.  

Alho (casca) (Allium sativum) 
Desagrega as energias negativas de ordem sexual, protege contra influências negativas e purifica o ambiente. 

Artemísia (Artemisia vulgaris)  
Quebra as egrégoras de pensamentos negativos e traz proteção.  

Bambu (Oxytenanthera abyssinica)  
Contra influências negativas. 

Botões de flor de laranjeira  
Para o amor. 

Camomila (Matricaria chamomilla)  
Calmante, contra depressão e ansiedade. 

Cana-de-açúcar (palha e bagaço)  
Dá força e vigor para enfrentar as situações do dia a dia. 

Canela (Cinnamomun zeylanicun ness)  
Condensador de fluidos benéficos, destrói miasmas astrais, afrodisíaco, atrai a prosperidade.  

Cebola (casca)  
Desagrega energias negativas de ordem sexual, afasta fluidos indesejados. 

Capim limão / Capim Santo (Cymbopogon citratus)  
Bom para acalmar e trazer bons fluidos. 

Cravo (Syzygium aromaticum)  
Afrodisíaco, estimulante, aumenta o magnetismo pessoal e atrai a prosperidade. 

Eucalipto (Eucalyptus globulus labill)  
Desagrega as energias negativas e enfermiças, renova nossas energias, equilibra o emocional.   

Erva Doce (Pimpinella anisum) 
Acalma e harmoniza o ambiente, desagregando energias enfermiças e nocivas. 

Girassol (folhas)  
Excelente condensador de fluidos positivos, ajuda a aguçar a intuição. 
 
Guiné (Petiveria alliacea)  
Quebra formas-pensamento baixas e ajuda na comunicação com os bons espíritos. Bom contra obsessões de natureza sexual.  

Hortelã (Mentha piperita)  
Bom para proteção e contra o desânimo. 

Ipê amarelo  
Para harmonizar ambientes. 

Laranja (flor, folhas e casca) 
Estimula o amor nos tornando mais atraentes, também torna o ambiente mais agradável e “leve”. 

Levante 
Bom para proteção e abertura de caminhos. 

Limão (casca) 
Queima os fluidos negativos e enfermiços. 

Lírio  
Bom para nos tornar mais puros, simples e humildes; estimula nosso lado compreensivo e amoroso. 

Louro (Laurus nobilis) (a folha do sacerdote)  
Excelente para aguçar a intuição e para a prosperidade. 

Maçã (folhas, flores e casca) 
Desperta nossa sensibilidade ao amor e aumenta nosso poder magnético de atrair o que nos agrada.  

Malva (Malva parviflora) 
Acalma e desperta a sensibilidade. 

Manjericão (Ocimun basilicum)  
Ótimo para tirar as energias negativas, trazer vida ao ambiente e às pessoas, aumenta o magnetismo pessoal, atua contra a depressão e ansiedade. 

Maracujá (Passiflora alata dryand) (flor) 
Para fortalecer nossos laços de amizade. 

Melissa (Melissa oficinallis) 
Acalma os ânimos nos tornando mais alegres, limpa e sutiliza o corpo astral.  

Morango (folhas e fruto)  
Desperta o prazer em todos os sentidos. 

Noz-moscada  
Aguça a intuição, ajuda na comunicação astral e é boa para a prosperidade. 

Poejo  
Ótima para proteção e para acalmar os ânimos.   

Pitanga (Eugenia uniflora) (folhas)  
Prosperidade e proteção.  

Patchuli (Pogostemon patchouly)  
Bom para o amor, prosperidade e intuição, fortalecendo o magnetismo pessoal. 

Salsa  
Usada para a proteção, afasta a negatividade. 

Sálvia (Salvia officinalis) 
Considerada a erva da saúde, serve para limpeza, proteção e intuição.  

Rosa branca  
Desperta o amor à espiritualidade. 

Rosa vermelha  
Desperta a paixão. 

Rosa cor-de-rosa  
Desperta o amor maternal, filial e fraternal.  

Romã (casca e flores) 
Utilizada para a prosperidade, protege contra as emanações provindas da inveja e do ódio.   

Orquídea  
Desperta a libido.  

Obs.: Ao trabalhar com as essências das ervas, banhos ou defumação, estamos entrando em um universo vegetal que vai além da matéria. Assim como não somos apenas carne e as divindades não são apenas arquétipos, as plantas também possuem um “espírito vegetal” que as anima e têm seus respectivos gênios e divindades guardiãs responsáveis pela força vegetal. Portanto, ao trabalhar com ervas, entre em contato com estes espíritos, gênios e guardiões vegetais pedindo sua licença e sua força para realizarmos nossa tarefa.  Dentro do conceito de divindades podemos recorrer a Oxóssi como Guardião do reino vegetal e Ossain como gênio deste reino e da cura pelas ervas.    
 
Receitas de Banhos e Defumação 
 
Para depressão e purificar a aura: Salsinha, anis-estrelado e alecrim 
 
Acabar com os males e desagregar energias negativas: Banho de cerveja 

Prosperidade financeira: Salsinha com noz-moscada 

Para ajudar no comércio: Alecrim, abre-caminho, hortelã, levante, girassol, cana, açúcar mascavo (Fazer banho, defumação e passar no chão do escritório ou loja.) 

Banho para o amor: Anis-estrelado, calêndula, rosa vermelha, patchuli, malva branca e jasmim 

Banho para atrair a sorte: Milho de galinha, abre-caminho, café e açúcar mascavo   
Defumação de prosperidade: Noz-moscada, cana, incenso, folha de louro, canela em pó, arroz com casca e alfazema 

Purifica o espírito e fortalece o mental: Levante, alecrim e hortelã. Bom para a saúde, ajuda a fortalecer pessoas debilitadas. 

Banho de leite com levante (feito às terças e quintas feiras) porque são dias propícios. 

Para prosperidade: Pó de café, açúcar, louro, manjericão, folha de pitanga, hortelã 

Para descarga forte: Folhas de eucalipto, casca de alho, palha ou bagaço de cana (seco), folha de bambu, folha de pinhão roxo. 

Para descarga de energias sexuais densas: Cravo, canela, casca de alho roxo, erva-doce, casca de limão 

Para cansaço ou depressão: (Respirar bastante) sementes de girassol, semente de imburana, anis-estrelado  

Contra a insônia: Pétalas de rosa, Erva-sândalo, Hortelã e cravo da Índia 

Descarrego de energias pesadas: Manjericão, Alecrim, Mirra, Alfazema e Arruda 

Para afastar a obsessão e alcoolismo: Alho, salsão, arruda, guiné, espada de São Jorge, folha de fumo, folha de mangueira, levante e cipó mil-homens 

Para abrir caminhos: Açucena, agrião, angico, aroeira e espada de São Jorge 

Para ajudar no desenvolver da espiritualidade: Jasmim, anis-estrelado e alfazema.

ESTEJA SEMPRE ATENTO À PROCEDÊNCIA DAS ERVAS. 
CASO SEJA ALÉRGICO, NÃO AS UTILIZE.

O presente texto é fonte de estudos e pesquisas realizadas por Anna Pon.

Conheça meu trabalho de psicografia literária. Além dos títulos abaixo listados, há ainda os publicados pela Editora do Conhecimento, a saber:

"A História de Pai Inácio", "A Cabana de Pai Inácio" e "Carmem Maria"

ATENÇÃO: LANÇAMENTO NO CLUBE DE AUTORES

"Vô Benedito nos Tempos da Escravidão" novo trabalho psicografado por Anna Pon. 
Transmitido por Vô Benedito (Espírito)
Já à venda no Clube de Autores e nas melhores livrarias do Brasil
Nas versões impresso e e book acesse o link!



"Serena" trabalho psicografado por Anna Pon 
Transmitido pelos espíritos Pai Inácio e Shàa
À venda no Clube e nas melhores livrarias do Brasil
Nas versões impresso e e book acesse o link!



"Maria Baiana e a Umbanda"
Uma psicografia de Anna Pon pelo espirito de Maria Baiana
Disponível nos formatos e book e capa comum, já a venda em
Amazon.com

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Características dos filhos dos orixás, personalidade dos filhos de Oxalá, Yemanjá, Oxum, Ogum, Oxossi, Yansã, Xangô

Orixá de Frente – Orixá Adjunto – Orixá Ancestral – A natureza humana -

Firmeza e Assentamento (Umbanda)