Imposição de mãos (passe)


 


O momento exige distanciamento social devido à pandemia.

Alguns médiuns e consulentes dos templos umbandistas sentem falta da prática do passe, muitas vezes realizado apenas pela imposição das mãos do médium que transmitem fluídos/energias, salutares.

Ambos, médium e consulente, se beneficiam com a prática, mas como fazer à distancia? Quanta falta as pessoas sentem tanto de doar quanto de receber esses fluídos?

Acredito que muitos sentem falta, até, em alguns casos, necessidade desse recurso que é uma benção de Deus transmitida pela espiritualidade e pelo próprio ectoplasma do médium.

Eis ai, então, um grande aprendizado para o momento:

O médium pode doar ectoplasma através de uma oração simples ou de meditação. A espiritualidade se encarrega de recolher essa doação que será certamente utilizada em beneficio de muitos que estão precisando.

Quem não é médium, ou ainda não desenvolveu sua mediunidade, pode, através do mesmo processo, receber essas energias/fluídos, recorrendo igualmente à oração ou meditação simples, não é preciso domínio de técnica para tanto, a fé e a concentração operam grandes feitos, além disso, muitos grupos de templos de umbanda se reúnem a fim de orar por todos, principalmente nesse momento tão difícil, portanto, recorrer a esses grupos de oração, deixando seu nome completo e conectando-se no mesmo horário em que o grupo de reúne, pode ajudar muito.

Não sendo possível a conexão com o grupo no horário estabelecido, o nome completo já é suficiente, porém, a sua fé precisa ser firme para que receba o que mais necessita e segundo seja permitido oferecer.

As palavras de ordem são fé e humildade e socialmente as palavras são colaboração, empatia, mesmo porque recebemos sempre na justa medida que oferecemos.

Anna Pon




Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Características dos filhos dos orixás, personalidade dos filhos de Oxalá, Yemanjá, Oxum, Ogum, Oxossi, Yansã, Xangô

Orixá de Frente – Orixá Adjunto – Orixá Ancestral – A natureza humana -

Firmeza e Assentamento (Umbanda)